BUSCA + enter













EUA, sangue em setembro
Desde os atentados de 11 de setembro de 2001, quando as torres do WTC, em Nova Iorque, e o Pentágono, em Washington, foram atacados por um mortífero vôo de suicidas, a maioria deles sauditas, muitas coisas ocorreram. Leia mais

Terror: a Terrível Espada de Alá
A indiferença do Ocidente para com o destino sofrido dos palestinos e dos civis iraquianos, a qual se junta a presença militar imperial anglo-americana, recolonizadora de parte do Oriente Médio, criou o caldo de cultura que engendrou a tragédia de 11 de setembro. Leia mais

O Golfo Pérsico: de Saddam ao Talibã
Como toda e qualquer intervenção militar produz efeitos de curto e longo prazo, hoje assiste-se - com o atentado ao World Trade Center e a represália que se seguiu - um efeito tardio da ocupação anglo-saxã naquela sensível região do Oriente Médio. Leia mais

O Islã e o Ocidente
De certa forma, o radicalismo fundamentalista não se opõe somente aos valores do Ocidente, mas igualmente expressa uma profunda desconformidade das massas miseráveis do Oriente Médio com os seus dirigentes e governantes. Leia mais


Leia também:
BIN LADEN, O SOLITÁRIO DO ISLÃ - O Afeganistão, controlado em sua maior parte pelo movimento Talibã, abriga o homem mais procurado do mundo pelos norte-americanos, Osama bin Laden, suspeito número um pela responsabilidade dos atentados terroristas ao WTC em 11 de setembro de 2001. Leia mais
 

O CORÃO, O TURBANTE E O FUZIL - Com a derrota das forças do Xá da Pérsia e a ascensão do aiatolá Khomeini, uma visão mais estreita, teocrática, xenófoba e antimoderna passou a imperar no Oriente Médio. A vitória das massas iranianas, desarmadas, sobre um exército poderoso, municiado e treinado pelos Estados Unidos, em 1989, infundiu uma notável confiança nos setores mais atrasados das sociedades islâmicas. Leia mais

O GRANDE JOGO: A CONQUISTA DO CÁUCASO - No século 19, a Grã-Bretranha e o Império russo disputaram o controle da Ásia Central, região estrategicamente posicionada para o domínio da Eurásia. Hoje, são os EUA que fazem frente à enfraquecida URSS pela disputa da mesma região. O objetivo: o controle da bacia petrolífera do Mar Cáspio. Leia mais
 
ATAQUES SUICIDAS: KAMIKAZES E SAHIDS - Os atentados terroristas ao World Trade Center e ao Pentágono não foram os primeiros ataques suicidas conhecidos pelos EUA. Durante a II Guerra Mundial, pilotos kamikazes da Terra do Sol Nascente também lançaram suas aeronaves em alvos norte-americanos. Leia mais

A POLÍTICA DO FUNDAMENTALISMO - O fundamentalismo é um movimento socioreligioso e político muito diversificado e bem mais extenso do que as fronteiras do Islã. Paradoxalmente é nos Estados Unidos de hoje que encontramos o maior contingente de fundamentalistas, só que cristãos. Leia mais
 
O ISLAMISMO - O Islamismo é uma religião que abriga todas as raças e todas as línguas. Talvez, exatamente por esse seu ecumenismo, é que ela terminou por conflitar-se com o cristianismo, que também nasceu no mesmo espaço geográfico e igualmente abriga o desejo de salvar e converter todos a fé de Cristo. Leia mais

AS GUERRAS AFEGÃS - Entre 1839 e 1919, a Grã-Bretanha, em disputa pelo controle da Eurásia, tentou por três vezes invadir o Afeganistão. Todas as ofensivas renderam fracassos ao império europeu, então o maior do mundo. Saiba como foi a primeira investida ao país e veja um quadro geral dos ataques. Leia mais
 
SHAMIL BASAYEV, O GUERREIRO DO ISLÃ - Após a recusa da Federação Russa em reconhecer a independência da Chechênia, em 1991, Shamil Basayev, um ex-estudante checheno, ficou mundialmente conhecido como o inimigo público mais procurado pelas forças russas, devido a seus atos de terrorismo. Leia mais

GRANDE MEDO: O PÂNICO VERMELHO DE 1919 - Em 1919, devido ao clima de insegurança causado por uma onda de atentados a bomba pelos EUA, os cidadãos norte-americanos aceitaram que uma série de direitos e liberdades fossem momentaneamente suspensos ou limitados. O mesmo ocorre hoje, após os atentados terroristas ao World Trade Center e ao Pentágono. Leia mais
 
A ORDEM DOS ASSASSINOS - Durante 150 anos, uma terrível seita ismaelita, minúscula no universo do Islã, trouxe pânico à região do Oriente Médio. O grupo, conhecido como a Ordem dos Assassinos, caracterizava-se por não demonstrar medo algum frente à morte que fatalmente os aguardava após seus atos terroristas. Leia mais

MOTIM EM NOVA YORK - Nova York conheceu, no século XIX, um outro momento de aprêmio, dor e luto, quando grande parte da população pobre da cidade, a maioria dela de origem irlandesa, envolveu-se numa jornada da saques, depredações e linchamentos, atos que provocaram horror no país inteiro. Leia mais
 
NOVA YORK, CAPITAL DO MUNDO - Há quase dois séculos, Nova York, a maior cidade da América do Norte, poderia ter estagnado, virando um pequeno porto sem grande importância. Porém, graças à consciência do perigo que pairava sobre o seu futuro, a comunidade nova-yorkina trabalhou unida para fazer dela a capital do mundo. Leia mais

ARRANHA-CÉU, A CATEDRAL DA MODERNIDADE - O arranha-céu, um dos maiores símbolos do século XX, foi responsável por profundas transformações que a humanidade conheceu no último milênio. Produto genuíno da América do Norte, ele é a expressão de uma civilização criada no Novo Mundo. Leia mais
 
GÁS! ALARMA! AÍ VEM O GÁS! - Durante a I Guerra Mundial, deu-se a estréia das recém-criadas armas químicas, como o gás mostarda e o gás cloro. Apesar de nem sempre causarem morte em grande escala, as nuvens venenosas provocavam pânico e terror coletivo quando avistadas pelas tropas, desorganizando as linhas inimigas. Leia mais

MOUROS VS. CRISTÃOS: LAS NAVAS DE TOLOSA - Há oito séculos, os reis cristãos da Península Ibérica congregraram uma vasta coalizão de países ocidentais para enfrentar a ameaça islâmica. Castelhanos, lusitanos, navarros, catalãos, aragoneses, galegos e asturianos deixaram suas diferenças de lado para enfrentar o inimigo comum. O resultado foi a luta conhecida como a batalha de Las Navas de Tolosa. Leia mais
 
O IMPASSE DO NACIONALISMO ÁRABE - As derrotas militares sofridas pelos países árabes em 1967 e 1973 acabaram por provocar o surgimento do fundamentalismo islâmico no Oriente Médio. O movimento fez com que as associações religiosas prevalecessem sobre os esforços de modernização das sociedades arcaicas da região comandados pelo nacionalismo árabe. Leia mais

MADHI, O ESPERADO - No fim do século XIX, o Sudão conheceu uma rebelião popular de cunho religioso contra o Império Britânico que durou quase 20 anos. O seu líder autodesignou-se como o Madhi, o esperado, aquele que vinha para purificar o Islã das nocivas influências do domínio cristão e dos que colaboravam com ele. Leia mais
 
BAGDÁ, A CIDADE QUE JÁ FOI LUZ - Bagdá, hoje a capital do Iraque, foi a primeira cidade planejada pelo islamismo para levar a palavra do profeta Maomé às terras da Índia e da Ásia. Para tal, suas terras foram enriquecidas com a sabedoria de outras culturas, especialmente a persa e a grega, transformando-a num extraordinário centro cultural. Leia mais

MAOMÉ NO PAQUISTÃO - Bem antes de ser agraciado com o Prêmio Nobel de Literatura, V. S. Naipul fez um registro de sua impressão sobre o mundo islâmico, moldada após uma longa viagem de estudos pela região. Dentre as nações que conheceu, o escritor ressalta a estranha e contrastante situação do Paquistão, um Estado jovem com uma antiga religião. Leia mais
 
BRITÂNICOS NA ÁSIA: A MANCHA DA DANAÇÃO - Os membros da Aliança do Norte, que retomou as regiões do Afeganistão antes em poder dos talibãs, exigiram que os soldados britânicos não se fizessem presentes no território recém-libertado. O motivo é que os ingleses foram responsáveis pela espoliação da Ásia nos tempos coloniais, fato que deixou profundas feridas no povo asiático, ainda abertas depois de quase dois séculos de dominação. Leia mais


 ÍNDICE DE ESPECIAIS




 
 » Conheça o Terra em outros países Resolução mínima de 800x600 © Copyright 2002,Terra Networks, S.A Proibida sua reprodução total ou parcial
  Anuncie  | Assine | Central de Assinante | Clube Terra | Fale com o Terra | Aviso Legal | Política de Privacidade