BUSCA + enter






A política de Péricles | Atenas e a Liga de Delos | Péricles saca os recursos federais | Atenas, cidade tirânica | Atenas, escola da Hélade | A doutrina da inteligência de Anaxágoras | A teoria do Nous | O monumento à razão | Os Mármores de Elgin | O apelo de Melina Mercouri | Bibliografia

O Pártenon: beleza e discórdia



O templo da razão que, lá do alto da acrópole, contempla o mundo

Atenas, a Escola da Hélade

Péricles, porém, estava convencido de que os gregos precisavam de um grande cidade, de uma polis referencial, que acolhesse as escolas filosóficas de todas as partes da Hélade, que concentrasse os homens de talento e de grande capacidade criativa, abrigados pelas virtudes do regime democrático. Como ele irá mais tarde afirmar na sua famosa Oração Fúnebre, transcrita por Tucídides (História da Guerra do Peloponeso, Livro II, cap.35-46), na qual, depois de elogiar a liberdade, o império e a autonomia de Atenas, assegurou que "nossa cidade, em seu conjunto, é a escola de toda a Hélade", prevendo acertadamente que "seremos portanto admirados não somente pelos homens de hoje mas também do futuro". Mas, em verdade, Atenas ao longo do tempo, ultrapassou qualquer outra suposição original, não limitando-se só em ser a educadora dos gregos daquela época, tornando-se uma cidade-ícone, a cidade-símbolo do mundo ocidental inteiro.

|



 ÍNDICE DE ARTIGOS





 
 » Conheça o Terra em outros países Resolução mínima de 800x600 © Copyright 2002,Terra Networks, S.A Proibida sua reprodução total ou parcial
  Anuncie  | Assine | Central de Assinante | Clube Terra | Fale com o Terra | Aviso Legal | Política de Privacidade